Como fazer um plano de estudo


Como fazer um plano de estudo? Esse questionamento é fundamental para que a otimização do tempo seja uma constante durante os seus estudos.

Apesar de saber a necessidade do plano de estudo, na hora de executá-lo surgem ainda mais dúvidas: Quando devo estudar? Quanto tempo estudo cada matéria? Essas dúvidas acabam paralisando os estudantes que acabam desistindo de fazer o plano de estudo, o que é um grande erro, pois ele é essencial para que os estudos tenham resultado.

Além dessas dúvidas, existe outro grande problema que é a montagem de um plano de estudos que esteja de acordo com a realidade, pois muitos estudantes ou concurseiros montam planos de estudos que não conseguem seguir.

Plano de estudo: Definindo sua rotina diária

Tudo começa com um olhar sobre sua rotina: como estão suas horas? Esse é o momento de descobrir quanto tempo você tem disponível para estudar. Também é o momento de tomar decisões difíceis e cortar algumas atividades em prol dos estudos.

Esse momento é fundamental para que você se conheça e consiga ter um planejamento em longo prazo. Também é importante para saber como você deverá agir em cada situação para que você consiga colocar em prática sua rotina de estudos.

Abra sua planilha do Excel ou se preferir, faça os passos em seu próprio caderno.

Na planilha você deverá marcar cada horário seu. Suas atividades do dia e o quanto tempo cada atividade leva. Também irá completar com os tempos livres o horário de estudar.

Definindo os horários de estudo: 

Ok, após definir sua rotina, vamos descobrir quantas horas de estudo por dia você tem disponível. Isso servirá para você fazer um cálculo e uma estimativa de quanto você vai estudar.

Você usará essa área para inserir a quantidade de horas que você terá para estudar por dia.

Por exemplo, você percebeu no seu cronograma de rotina que todos os dias das 6 às 7 e das 18 às 19 horas você tem um horário livre. Então você usará esse horário para estudar. Tenha em mente quatro coisas: ter definido seus objetivos de estudo, ter sua rotina de vida já estabelecida, ter seu cronograma de horários de estudos estabelecido, saber quantas horas de estudos semanais você tem.

Plano de estudo: Selecionando as matérias para estudar

Agora é um ponto em que muitos estudantes se enrolam. Qual matéria estudar primeiro? Quantas horas eu estudo cada matéria? Mas será que vou conseguir estudar todas as matérias? Todos esses problemas serão resolvidos nesse passo.

Tenho que estudar matérias que não gosto?

Esse tópico é para que você resolva de uma vez por todas essas questões sobre matérias que gosta ou não. Isso é muito importante, pois fará uma grande diferença em seus estudos. Algumas matérias são mais fáceis por conta da afinidade que cada pessoa tem. Como cada um desenvolve sua inteligência. Para alguns estudantes a disciplina de exatas é mais fácil enquanto outros preferem biológicas ou a área de humanas.

Essa afinidade não impede que uma pessoa de humanas consiga compreender e estudar exatas. A questão de gostar ou não é mais subjetiva. Muitos estudantes procuram não conhecer mais sobre a matéria para aprender a lidar com ela. De qualquer forma gostar ou não da matéria dependerá unicamente de uma pergunta.

Eu preciso dessa matéria para ser aprovado?

Você precisa das matérias que não gosta para ser aprovado em sua prova ou concurso? Ela tem um peso grande? Caso precise é melhor você gostar da matéria, caso não precise então se dedique unicamente as matérias que você domina.

Plano de estudo: Ciclo de estudos e flexibilidade

O cronograma fixo muitas vezes é ruim, pois horários rígidos fazem com que muitos estudantes deixem de estudar determinadas matérias. Tudo porque a rotina de um estudante sempre conta com imprevistos.

Se você coloca em um quadro de horários que na segunda, você irá estudar direito constitucional e justamente na segunda você tem um imprevisto e precisa estar fora, então você só irá estudar direito constitucional na segunda que vem. Percebeu?

Por isso uma maior flexibilidade vem com o ciclo de estudos. Esse sistema faz com que todas as matérias sejam colocadas em ciclos de forma que você sempre possa estudar todas, não importa as distrações. Lembre-se que só se organizar não adianta nada você também precisa “colocar a mão na massa” ou seja, estudar. Agora que você já se organizou comece a estudar para conseguir resultados!

Fonte : estudareaprender.com